O que é gamificação e como ela é vantajosa para as empresas?

O termo gamificação foi criado pelo consultor britânico, Nick Pelling em 2002 e refere-se ao uso de técnicas dominantemente virtuais, como método de engajamento para cativar pessoas através desafios e bonificações/recompensas.  Os participantes interagem por meio de canais digitais, como: computadores, smartphones, smartwatches, entre outros.

Mas, o que isso tem a ver com o ambiente corporativo?

É simples de entender. Cada vez mais as empresas são desafiadas a manter o engajamento e a produtividade dos funcionários. Assegurar o clima organizacional, para que a equipe fique focada e entretida é uma tarefa complexa, que fez com que as organizações buscassem por diferentes soluções.

A gamificação é uma das saídas, pois utiliza-se dessa técnica como forma de aprimoramento do desempenho geral das atividades, por meio de novos modelos de envolvimento. Sua aplicabilidade permite a motivação das pessoas, ao ponto de modificarem seus comportamentos, desenvolvendo simultaneamente suas habilidades e estimulando a inovação. Os participantes podem atingir seus objetivos de uma maneira criativa, competitiva e saudável ao mesmo tempo.

Veja como funciona:

O intuito de uma gamificação é incentivar a participação em um jogo, despertando a curiosidade de seus jogadores, oferecendo formas de compartilhar o conhecimento e testar o aprendizado. Uma de suas principais características é a concessão de uma recompensa, após a finalização de tarefas pré-estabelecidas. Dessa forma, é possível motivar o participante a alcançar metas, que ele mesmo achava incapaz de cumprir.

Para aplicar essa técnica em empresa será preciso: uma plataforma gamificada, o envolvimento dos funcionários e a realização de constantes análises de resultados, para oferecer um feedback rápido.

Confira 3 formas de aplicar a gamificação na sua empresa:

1) Incentivo a criatividade

Propor um projeto que exija a criatividade, para que seus participantes criem algo relevante para a empresa.

2) Busca por soluções

É apresentado um problema inicial, que leva os funcionários a trabalharem na busca de uma solução.

3) Simulação

O objetivo é criar simulações de situações reais do cotidiano corporativo dos envolvidos, para que possam estudar e refletir suas reações.

Após a aplicação dessa técnica é possível identificar vários benefícios para o ambiente empresarial. Um sentimento de conquista se estabelece após o encerramento do jogo, é construído um clima competitivo saudável, senso crítico nos jogadores, sensação de autonomia e capacidade para absorver conhecimento, além do aumento do interesse em participação em aulas e treinamentos.

O que acha de usar a gamificação na sua empresa? Essa é uma excelente alternativa para manter um ambiente corporativo dinâmico e produtivo. Se você gostou das nossas dicas, não esqueça de compartilhar.